segunda-feira, 28 de outubro de 2013

“Jovem: levante-se, seja fermento!”

Juventude do Rio de Janeiro realiza o DNJ no dia 3 de novembro

A 28º edição do Dia Nacional da Juventude (DNJ), que acontecerá no dia 3 de novembro, movimentará os jovens católicos do Rio de Janeiro. O evento, que terá início às 9h, será re­alizado na Catedral Metropolitana de São Sebastião, na Avenida República do Chile, 245, no Centro.
Todos os anos, os membros da Coordenação Nacional de Pastoral Juvenil, que atualmente é formada por representantes de pastorais jovens, movimentos e novas co­munidades, escolhem um tema que norteia as atividades do DNJ. Para este ano, o tema escolhido é “Juven­tude e missão”, e o lema será “Jovem: levante-se, seja fermento!”.
A passagem bíblica “Quanto a você, arregace as suas mangas, levante-se e diga a eles tudo o que eu mandar. Não tenha medo” (Jr 1,17b) será o texto que embasará o desenvolvimento do tema escolhido para o DNJ 2013.
O arcebispo do Rio, Dom Orani João Tempesta, marcará presença no evento, quando presidirá a Santa Missa às 10h, contando com a par­ticipação do Coro Carioca da JMJ. A Rádio Catedral FM 106.7 e a WebTV Redentor transmitirão a solenidade.
O DNJ será marcado por momen­tos de oração, pregações, músicas, testemunho de jovens missionários e adoração eucarística presidida pelo bispo auxiliar da Arquidiocese do Rio, Dom Antonio Augusto Dias Duarte. A comunidade católica Aliança de Misericórdia fará a apresentação te­atral “O Sonho de Deus”. Estão con­firmadas as presenças dos cantores Bruno Camurati e Olivía Ferreira, e das bandas Frutos de Medjugorje e Torre de Davi.
Neste ano, o DNJ apresentará uma novidade: os movimentos, as pastorais e as novas comunidades irão promover uma Feira Missioná­ria, em que terão a oportunidade de expor seus trabalhos. Neste mesmo espaço, estará à disposição dos jovens atendimento de confissões e aconselhamento.
Para esse ambiente de confra­ternização, haverá duas grandes lanchonetes que oferecerão a preço popular almoço e lanches. A área em volta da Catedral contará com um grande esquema de segurança da Polícia Militar.

UM POUCO DE HISTÓRIA
O ano de 1985 foi decretado pela ONU como o Ano Internacional da Juventude. Como gesto concreto, a Pastoral da Juventude do Brasil as­sumiu a celebração do Dia Nacional da Juventude. Em 1986, aconteceu o primeiro DNJ e, atualmente, a data é celebrado no último domingo de outubro. Realizado a cada ano, o DNJ é um dia marcado pela mobilização de milhares de jovens em todo o país, para festejar, como Igreja, a vida da juventude.

UM DIA FELIZ PARA O JOVEM
Conforme o representante da Ini­ciação Cristã da Arquidiocese do Rio de Janeiro e responsável pela liturgia do Setor Juventude, Valdir Moreira, o DNJ será um dia para comemorar a juven­tude em suas diferentes expressões e realidades; de oportunidade para mostrar aos jovens ações que valem a pena na vida.
“Queremos apresentar aos jovens novos caminhos para a vivência em comunidade, onde se congrega os que buscam uma sociedade melhor e mais justa. Nossa intenção é propor­cionar um dia maravilhoso para que a juventude celebre feliz o seu dia”, disse.

PELA VIDA DOS JOVENS
Neste mesmo dia, a Pastoral da Juventude da Arquidiocese do Rio promoverá uma caminhada pela vida da juventude. A concentração será às 7h30, em frente à Igreja da Candelária, na Praça Pio X, no Centro, partindo para a Catedral, onde será dado início ao DNJ. A iniciativa é um legado da JMJ Rio2013 e fruto da campanha nacional contra a violênica e extermínio dos jovens, da Pastoral da Juventude do Brasil.

IGOR MARQUES

igor@testemunhodefe.com.br
Foto: Divulgação