sábado, 1 de junho de 2013

Símbolos da JMJ visitam população carcerária em Campos

Presídio Feminino foi o primeiro a receber a visita dos símbolos
Tocar no Cristo vivo, no Cristo pobre, no Cristo exclu­ído. Esse era o sentimento daqueles que no dia 14 par­ticiparam da peregrinação da Cruz e do ícone de Nossa Senhora, símbolos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), pelas unidades carcerárias da Diocese de Campos (RJ). Os símbolos passaram pela cadeia pública Dalton Crespo de Castro, pelo presídio Carlos Tinoco da Fonseca (masculino) e pelo Presídio Feminino.
A visita iniciou-se pelo Pre­sídio Feminino, por volta das 13h. Segundo Décio Guimarães, coordenador da Pastoral Car­cerária, cerca de 350 mulheres estão reclusas no local. Foi realizado um momento de oração e, em seguida, a Cruz percorreu as celas para que as demais mulheres pudes­sem tocá-la e fazer suas preces.
O segundo ponto de passagem dos símbolos foi a cadeia pública, onde alguns detentos também puderam sair da cela, participar de um momento de louvor e oração e carregar a Cruz por dentro das instalações. No local, também foi autorizado que a Cruz peregrina passasse pelas celas para que os encarcerados, através das grades, pudessem tocá-la. O bispo dio­cesano de Campos, Dom Roberto Francisco Ferrería Paz, concedeu uma bênção aos presentes na Cadeia Pública. O último presídio a receber a visita dos símbolos foi o Carlos Tinoco da Fonseca.
“Esse momento, aonde a Cruz vai ao encontro dos presos, só re­nova o nosso chamado e missão de evangelizar. O mundo pode ser diferente, as pessoas podem ser diferentes, basta que elas tenham esse momento de encontro com Je­sus”, declarou Guimarães. Segundo o coordenador da pastoral, Décio, a passagem desses símbolos pelos presídios da região é a oportunidade que os presos tiveram de “expe­rimentar o que o apóstolo Pedro sentiu na prisão ao ser visitado por um anjo que vai ao seu encontro e o liberta”. “A passagem dos símbolos é a forma que esses detentos têm de perceber a presença viva de Cris­to”, afirmou.

ROCÉLIA SANTOS
FOTO: SABRINA AGUIAR