quinta-feira, 30 de maio de 2013

Bote Fé Niterói reúne 70 mil


Em um momento histórico, a Arquidiocese de Niterói acolheu no domingo, dia 19 de maio, os símbolos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ). Mais de 70 mil jovens reuniram-se na Praia de Icaraí para celebrar a chegada da Cruz peregrina e do ícone de Nossa Senhora no maior e último Bote Fé de âmbito regional do país, antes da JMJ Rio2013.
Os jovens fluminenses curti­ram os shows das bandas Frutos de Medjugorje e Missionário Sha­lom, enquanto aguardavam a che­gada dos presentes do beato João Paulo II, patrono da JMJ Rio2013. Os símbolos da JMJ partiram da Ilha de Mocanguê, localizada no interior da Baía de Guanabara, e seguiram a bordo de um navio da Marinha do Brasil.
Ao chegarem na Praia de Icaraí, jovens representes das dez dioceses do Regional Leste 1 receberam a Cruz e o ícone e seguiram até o altar para partici­parem da celebração eucarística. O presidente do Regional Leste 1 e arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, pres­tigiou o evento.
“É muito bonito de ver a ma­nifestação de amor à Igreja nesta recepção dos símbolos da JMJ. Este é o momento especial que todos nós temos: um encontro com Cristo. Que todos voltem para casa com o coração mais afervorado. É por causa de Cristo que estamos aqui. É por causa D’Ele que acontece a Jornada Mundial da Juventude”, disse Dom Orani.
A Santa Missa foi presidida pelo arcebispo da Arquidiocese de Niterói, Dom José Francisco Re­zende Dias, e concelebrada por bis­pos de Petrópolis, Campos, Caxias e Rio, além de vigários episcopais e padres das dez dioceses do Re­gional Leste 1. “O meu coração de bispo está feliz em poder acolher tantos irmãos e irmãs em nossa arquidiocese neste evento Bote Fé. Acolhemos com fé a Cruz pere­grina e o ícone de Nossa Senhora, símbolos entregues aos jovens pelo beato João Paulo II”, alegrou­-se Dom José Francisco.
À luz do Evangelho, Dom José exortou aos fiéis: “Com a vinda do Espírito Santo sobre os apóstolos e Nossa Senhora, a Igreja anun­cia corajosamente o mistério da morte e ressurreição de Jesus. E quase ao final, no discurso de des­pedida, Jesus nos diz: Tenho ainda muitas coisas para dizer-vos, mas não são capazes de compreender agora. Quando vier o Espírito da verdade, ele vos conduzirá à ver­dade plena”, destacou.
Após a celebração eucarís­tica, a animação ficou por conta do cantor católico Tony Alisson, que possibilitou aos presentes momentos de louvor e oração. Em seguida, o Santíssimo Sacramen­to, acompanhado dos símbolos da JMJ e de milhares de jovens e adultos, seguiram em procis­são até o Santuário das Almas, pertencente à Paróquia Nossa Senhora do Sagrado Coração, onde permaneceram em vigília.

RITA VASCONCELOS
FOTOS: ARQUIDIOCESE DE NITERÓI